quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Orientações para elaboração de objetivos para o trabalho a ser desenvolvido no núcleo do PST.

Na elaboração de objetivos para o núcleo, você deve considerar os objetivos do Programa Segundo Tempo (PST), os objetivos do Planejamento Político Pedagógico (PPC) e o conhecimento que os alunos trazem.

O PST não se caracteriza como um tempo e espaço para os alunos reproduzirem o que já sabem. Portanto, os objetivos devem ser formulados no sentido de acrescentar novas experiências e conhecimentos a partir do esporte educacional.
Essas experiências e conhecimentos devem proporcionar aos alunos: refinamento das habilidades motrizes que já possuem e novas aprendizagens motoras que se expressam no esporte, na dança, na luta etc.; novas experiências de expressividade corporal (na dança, nos jogos folclóricos etc.); desenvolvimento do pensamento tático aplicado ao esporte, ao jogo e a outras experiências sociais, isto é, provocar a atitude de planejamento racional para obtenção de resultados individuais e coletivos; aprendizagem comunicativa e social a partir do esporte, da luta, da dança e de outras manifestações culturais que auxiliem a construção de valores democráticos.
O objetivo dever ser redigido de modo que explicite o(s) comportamento(s) que o professor espera que seus alunos expressem durante e ao final do processo ensino aprendizagem. Esses não podem perder de vista as finalidades do esporte educacional e do programa segundo tempo. Os objetivos devem especificar as aprendizagens (conceituais, procedimentais e atitudinais) esperadas dos alunos.
Vejamos exemplos de objetivos Gerais e Específicos que devem constar no PPN:

Objetivos Gerais:
Considerando o esporte como eixo central para atingir as finalidades do Programa Segundo Tempo, estabelecemos como objetivos gerais:

a) Predispor-se a participar de atividades em grupos, cooperando e interagindo com os colegas.
b) Vivenciar conteúdos como: jogos, lutas, expressão corporal e ginástica, dominando o conhecimento básico desses conteúdos.
c) Solucionar problemas e tomar decisões diante dos desafios propostos em aula, verificando a aproximação das questões com situações do cotidiano.

OBS: Fiquem atentos, os objetivos expressam comportamentos, atitudes e reflexões que esperamos dos alunos, jamais o comportamento ou ação do professor.

Objetivos Específicos:
Como objetivos específicos, podemos elencar os seguintes:

a) Demonstrar espírito de companheirismo e respeito ao próximo (na prática do futsal).
b) Identificar, de forma sistematizada, as capacidades físicas necessárias para a prática esportiva (na prática do atletismo).
c) Sistematizar as formas de movimento de determinada modalidade esportiva, empregando-as no pensamento tático e técnico (ginástica artística).

Os objetivos não devem oferecer margem para muitas interpretações, portanto, devem possuir a qualidade de informar o que se espera do aluno. Na apresentação dos planejamentos de ensino e nas visitas que as Equipes Colaboradoras realizaram in loco, observou-se que poucos núcleos apresentam objetivos considerando a dimensão conceitual, procedimental e atitudinal. Nesse sentido apresentaremos um exemplo do ensino do handebol para adolescentes de 15 a 17 anos de um núcleo do PST. Observem que os objetivos a seguir indicam que a intenção do professor é que os alunos aprendam como jogar Handebol considerando aprendizagens para além das técnicas esportivas. Vejamos os objetivos abaixo:

Dimensão atitudinal
Valorizar, respeitar e estar predisposto a jogar com e para o outro de maneira a reconhecer a aceitar as potencialidades e limitações suas e dos demais – ações muito importantes e necessárias para toda vida.
Dimensão conceitual
Identificar, reconhecer e compreender os diferentes posicionamentos táticos de cada jogador durante a realização de um jogo.
Dimensão procedimental
Vivenciar, executar, demonstrar, realizar, adquirir e desenvolver ações durante a prática que permitam um bom desenvolvimento de jogos, tais como: passar, receber. Chutar uma bola, de acordo com as potencialidades e limitações individuais.

Por fim, levem em consideração que os objetivos precisam: a) Dialogar entre si; contemplar as dimensões conceitual, procedimental e atitudinal; expressar o que os alunos aprenderão, isto é, NUNCA DEVEM EXPRESSAR O COMPORTAMENTO DO PROFESSOR. Faça a pergunta: quem é o sujeito do objetivo que acabei de redigir? Só pode ser o aluno que é o centro da aprendizagem; especificar os conhecimentos a serem assimilados de modo que permitam aos alunos perceberem que eles devem ser parceiros desse processo de ensino-aprendizagem; permitir o controle avaliativo do processo de ensino-aprendizagem.


Referências bibliográficas:

OLIVEIRA, Amauri Aparecido Bássoli de, PERIM, Gianna Lepre. (org.) Fundamentos pedagógicos do   Programa Segundo Tempo: da reflexão à prática. Maringá: Eduem, 2009.

Um comentário:

  1. MUITO BOM ! Adorei o seu blog ! Visite o meu blog sobre tênis e retribua o comentário ! : breakpointbrasil.blogspot.com/ - SIGA MEU BLOG E MEU TWITTER, que eu sigo o seu de volta ! Twitter oficial : @breakpointbr, mais de 2.000 seguidores ... Me liste também !. Se puder me indicar para seus amigos que gostam do esporte agradeço :-)

    Obrigado !

    ResponderExcluir